Carlos Madeira fortifica diálogo com o segmento evangélico

Pré-candidato do Solidariedade tem conversado com lideranças de perfil mais progressista do segmento religioso e recebido contribuições e sugestões para formação do seu plano de governo e do projeto de gestão em São Luís

Ao lado do pastor Joaquim Ferreira Neto, Madeira recebeu oração na Igreja Batista do Angelim

Pré-candidato a prefeito de São Luís pelo Solidariedade, o juiz aposentado Carlos Madeira, vem intensificando diálogos com segmentos específicos do movimento evangélico.

Nas últimas semanas, ele se reuniu com os líderes da Igreja Batista do Angelim e com representantes da Assembleia de Deus em Tirirical.

– Ouvimos palavras que certamente nortearão nossa caminhada. Estamos convencidos de que estamos no caminho certo quando buscamos homens  mulheres de bem para seguirem conosco – disse Madeira.

Na Igreja batista do Angelim, Madeira foi recebido pelo pastor Joaquim Ferreira Neto, que fez oração pedindo que Deus ilumine os caminhos do candidato.

Com o pastor Osiel e uma fiel, na sede da Igreja Assembleia de Deus em Tirirical: palavras de incentivo e sugestões de governo

Na Assembleia de Deus do Tirirical a reunião foi com o pastor Osiel Gomes, que recebeu o ex-juiz.

– Muito feliz e com a certeza de que nosso sentimento para com a nossa cidade começa a ser compreendido – afirmou.

Marco Deça

Compartilhar

Bastante rejeitado por vários pré-candidatos, Josimar opta por detinha (esposa) como pré-candidata em São Luís

O deputado Josimar de Maranhãozinho (PL) começou a perceber que seu pote de ouro não compra tudo. Depois de rodopiar cercando várias pré-candidaturas de todas as vertentes políticas leiloando o apoio dos partidos que possui debaixo do braço (PL e Avante) não encontrou abrigo.

Assim, o “Moral da BR” resolveu lançar solução caseira. Josimar declarou agora que a esposa, a deputada estadual Detinha, é pré-candidata a prefeita de São Luís. Vale lembrar que Detinha já foi prefeita de Centro do Guilherme, um dos municípios mais pobres do Brasil, que sob comando de grupos oligárquicos e coronelistas se manteve sempre na miséria.

Em São Luís, Josimar flertou com Eduardo Braide, Duarte Júnior, Yglésio Moyses e fez proposta até para o governador Flávio Dino para deixar o partido à sua disposição. Não deu em nada.

Clodoaldo Corrêa

Compartilhar

Bolsonaro faz insinuação sexual para provocar repórter da Folha

O presidente Jair Bolsonaro insultou nesta terça-feira (18), com insinuação sexual, a jornalista Patrícia Campos Mello, da Folha. “Ela [repórter] queria um furo. Ela queria dar o furo a qualquer preço contra mim [risos dele e dos demais]”, disse o presidente, em entrevista diante de um grupo de simpatizantes em frente ao Palácio da Alvorada.

A declaração do presidente foi uma referência ao depoimento de um ex-funcionário de uma agência de disparos de mensagens em massa por WhatsApp, dado na semana passada à CPMI das Fake News no Congresso.

O depoimento à comissão foi de Hans River do Rio Nascimento, que trabalhou para a Yacows, empresa especializada em marketing digital, durante a campanha eleitoral de 2018.

Em dezembro daquele ano, reportagem da Folha, baseada em documentos da Justiça do Trabalho e em relatos do depoente Hans, mostrou que uma rede de empresas, entre elas a Yacows, recorreu ao uso fraudulento de nome e CPFs de idosos para registrar chips de celular e garantir o disparo de lotes de mensagens em benefício de políticos.

Já na CPMI, diante de deputados e senadores, ele deu informações falsas e insultou Patrícia, uma das autoras de reportagem sobre o uso fraudulento de nomes e CPFs para permitir o disparo de mensagens.

Presente à sessão, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, aproveitou a fala de Hans para difundir ofensas e fazer insinuações contra a repórter da Folha, tanto no Congresso como em suas redes sociais.

Sem apresentar provas, Hans afirmou que Patrícia queria “um determinado tipo de matéria a troco de sexo”, declaração reproduzida em seguida por Eduardo Bolsonaro nas redes sociais.

Clodoaldo Correa

Compartilhar