Fórum da Baixada visita canal da Raposa construído pelo prefeito de São João Batista

Blog do Jailson Mendes
O presidente do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, Flávio Braga, e mais três integrantes da entidade, visitaram nesta quinta-feira, 28 de janeiro, o canal da Raposa, obra que foi construído pela Prefeitura Municipal de São João Batista e que beneficiará milhares de pescadores da região.
IMG-20160129-WA0050
O Canal da Raposa é um grande açude de quase 3 quilômetros de extensão e dois metros de profundidade construído ao longo da estrada que dá acesso ao povoado Raposa, que por sua vez foi construída durante a administração do ex-prefeito Luiz Figueiredo, há mais de 40 anos. De acordo com as informações, o canal vai beneficiar milhares de pessoas em nossa cidade e está sendo considerada a maior obra do atual prefeito.
A visita foi realizada ontem numa agenda do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, que está conhecendo bons projetos voltados aos moradores da região. Flávio Braga e sua comitiva foram recepcionados pelo prefeito Amarildo Pinheiro, pelo secretário de Obras e Infraestrutura, Rico Pinheiro; pelo secretário de educação, Aguiar Santos; pelo vereador Chico de Nhozinho e demais assessores do gestor. O blogueiro Robert Lobato também estava presente durante a visita.
O presidente do fórum elogiou a iniciativa do prefeito de São João Batista e fortaleceu o intuito da organização. “O Fórum em Defesa da Baixada Maranhense reconhece a grande obra que a prefeitura está fazendo, já que com isso milhares de pescadores serão beneficiados. O Canal da Raposa vai ao encontro com o que nós pregamos para a nossa região e com certeza isso servirá de estimulo para que outros gestores da nossa baixada façam o mesmo”, disse Flávio Braga.
Já o prefeito Amarildo Pinheiro disse está feliz por ser autor de uma grande obra para os joaninos e a visita do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense só consolida aquilo que os joaninos já reconhecem, que é o alcance social do Canal da Raposa. Durante a visita do presidente do fórum, o secretário Rico Pinheiro explicou que a obra está orçada em mais ou menos 100 mil reais, com quase 3 quilómetros e que vai até ao povoado Comporta.
Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *