O que você faria se, durante uma visita a uma escola, você visse uma criança almoçando sozinha?

Travis Rudolph, um grande jogador de futebol americano na Florida State University (EUA), decidiu fazer o inesperado: pediu para se sentar à mesa, começou a conversar com o menino e comeu um pedaço de pizza. Mal sabia o atleta que a criança sentava sozinha todos os dias. Isso porque ele tem autismo e não faz amigos com facilidade.
Um espectador tirou uma foto e enviou para a mãe do garoto, Leah Paske. Emocionada com a atitude, ela escreveu uma carta aberta em seu Facebook para o atleta. Após ler a mensagem, Rudolph ficou comovido com a situação e ofereceu o número de seu celular para que eles possam conversar a qualquer momento.
“Meu filho não parece notar quando as pessoas olham para ele quando está em crise. Ele também não percebe que não é convidado para festas de aniversário. E ele não parece se importar em almoçar sozinho”, escreveu na carta. “Uma das minhas perguntas diárias para ele é: você se sentiu triste em algum momento? Quem almoçou com você hoje? Às vezes, a resposta é um colega de classe, mas a maioria dos dias é ninguém. Nesses dias eu me sinto triste por ele, mas ele não parece se importar”, continuou.
Segundo a mãe o pequeno é uma criança doce, que tem sempre oferece um sorriso e um abraço para todos. “Um amigo meu enviou esta foto bonita [de Travis almoçando com a criança] com a legenda: ‘Travis Rudolph está almoçando com seu filho’. Eu respondi: ‘Quem é esse? E ele me disse que era um jogador de futebol universitário. As lágrimas foram inevitáveis.
 Este foi um dia que eu não precisei me preocupar se o meu menino almoçou sozinho, porque ele se sentou com alguém que é um herói para muitos. Travis Rudolph muito obrigada! Você fez essa mãe muito feliz. Nós somos seus fãs para sempre”, disse na carta. 

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *