Deep Web: Sistema tecnológico é o novo porão da criminalidade na internet

Como se não bastasse o cenário de crueldade que assola o mundo da internet, o site Deep Web, com sua alta tecnologia sistêmica é considerado como um porão virtual da criminalidade, pois tem um papel tenebroso que ocasiona a comercialização de armas e drogas, crimes de pedofilia e até mesmo o agenciamento de assassinatos, isso tudo via web site de compras e vendas.


Para entender melhor o mundo do crime pela internet, a Deep é um exemplo de referência que é usada por hackers que se especializam em sistema de computação, com o objetivo não só de infectar o seu computador mas de cometer uma série de delitos do virtual para o real. Mais ou menos assim, ele funciona igual aos sites de venda e troca da OLX e do Bom negócio, mas claro, de forma totalmente ilegal. Onde já se viu vender armas restritas da Policia e ainda de  grosso calibre via internet? Drogas pela internet? E agenciar crimes pela web? São respostas que a Policia tem que responder com muito trabalho de investigação, e bota trabalho de investigação nisso.

A navegação dentro desse sistema, também pode ser um ramo que alimenta a atuação dos criminosos de plantão. Eles usam a web para captar informações e dados do seu computador podendo acessar senhas de emails, contas bancárias e até mesmo fotos de seus filhos, já que o porão também atua no crime de pedofilia. A estatística aponta um crescimento de 80% em acessos de sites que contém conteúdo de crianças e adolescentes para a prática sexual. O titular desse blog faz um alerta a toda população para que não entre nesse site infectado por vírus, pois é extremamente perigoso, e todo cuidado ainda é pouco.

A ferramenta tecnológica é tão poderosa que foge até do controle da Policia, uma vez que os bandidos utilizam servidores que circulam todo o planeta, ou seja, a força policial de investigação de crimes tecnológicos até encontra o servidor de serviço atualizado, mas quando isso acontece já é tarde demais, os hackers conseguem interceptar o sistema e transferir para outro servidor de outro país, e assim sucessivamente. Na verdade, achar o servidor atual que eles costumam utilizar é uma tarefa possível, mas logo o trabalho de rede virtual é jogado em outra rede, sendo assim, se torna impossível a investigação policial.

Em outubro do ano passado, a Polícia Federal que é a Instituição mais indicada para essa tipologia de crime, fez uma operação que desarticulou 38 pedófilos de internet em 18 estados brasileiros. Mas não é só isso, a instituição policial precisa ir mais longe, pois até venda de drogas e comercialização de armas tem nesse porão virtual, principalmente o agenciamento de crimes. Os bandidos passaram dos limites, eles contratam matadores de aluguel para conseguir o objetivo principal, a morte do rival. Tanta crueldade que não tem tamanho. A PF em parceria com o sistema de segurança Pública devem criar outras estratégias para combater essa nova tecnologia, se não a comercialização de armamentos pesados pode virar um abismo. 

Com informações do Blog Infocoma
Compartilhar

deputado Wellington do Curso discute aumento das passagens com o MP

O deputado estadual e vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia, Wellington do Curso (PPS) esteve, na manhã desta quarta-feira (8), em audiência com a titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor, Lítia Cavalcante.

Na ocasião, discutiu-se sobre o transporte público, em especial o aumento da tarifa que, segundo Wellington, lesiona os direitos do consumidor.

“Sabemos que não há qualidade no transporte público que justifique o aumento do preço no serviço. Precisamos exigir o respeito ao consumidor e deixo aqui minha admiração pelo senhor, deputado Wellington”, destacou a promotora Lítia.

O parlamentar ressaltou a Ação Popular que ajuizou solicitando a anulação do aumento da tarifa e criticou a ineficiência dos serviços.

 “Ajuizei uma Ação Popular objetivando a anulação do aumento na tarifa, tendo em vista que tal aumento é ilegal, pois ignorou a lei municipal n.363/2014, que exige a realização de audiência pública antes do aumento da tarifa. A gestão municipal anunciou no dia 3 de abril uma redução de 0,20 centavos no aumento, isto é, a tarifa de 2,80 passou a 2,60 (ainda com um significativo aumento). A tarifa abusiva e a ineficácia dos serviços prestados no tocante ao transporte público convergem para que busquemos o mínimo de respeito para com a sociedade, garantindo, assim, os direitos da população enquanto cidadãos e consumidores”, afirmou. 
Compartilhar

Senador Roberto Rocha começa bem e se destaca na bancada maranhense

vamoscoparar2 (2)
O candidato a senador, Roberto Rocha, fez questão de reiterar, durante sua campanha, que, caso fosse eleito, o Maranhão finalmente saberia para que serve um senador. A julgar pelos dois primeiros meses de mandato, Roberto Rocha está mesmo disposto a fazer diferença no Senado.
Uma rápida consulta ao site do Senado revela que nesse início de mandato a produção legislativa do novo senador pelo Maranhão supera com folga a soma dos dois outros senadores, João Alberto e Edison Lobão.
Até o momento foram 20 proposições legislativas apresentadas por seu gabinete, contra apenas duas de Lobão e João Alberto. Foram duas propostas de emenda constitucional; seis projetos de lei; um projeto de resolução; uma proposta de fiscalização e controle; sete requerimentos e três projetos de Lei recuperados da Câmara, ao tempo em que foi deputado federal.
Chama atenção ainda o fato de que Lobão, que assumiu uma cadeira senatorial em 1987, e João Alberto, em 1999, terem até o momento aprovado apenas 4 projetos de Lei, ao longo de tantos anos de mandato. Lobão, por exemplo, teve uma Lei aprovada em 1989 (PLS 182/89), outra dez anos depois (PLS 281/99) e finalmente uma terceira Lei, o PLS 29/2006 batizando de Roberto Marinho o aeroporto de Jacarepaguá, no Rio.
O processo legislativo é tortuoso e lento. Ainda é cedo para saber qual será o desempenho do novo senador maranhense. Mas o começo tem sido extremamente promissor, demonstrando que finalmente o Maranhão tem um senador que representa o Estado e não apenas um grupo político.

Blog John Cutrim

Compartilhar

Prefeitura prepara professores com objetivo da aplicação da Provinha Brasil

Subsidiar os professores e coordenadores pedagógicos para acompanhar o ciclo de alfabetização dos estudantes do 2º ano do Ensino Fundamental, à luz dos conhecimentos de letramento e matemática aferidos pela Provinha Brasil nessa fase do aprendizado. Esse foi o objetivo da Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), ao promover o I Encontro Formativo para Coordenadores Pedagógicos e Professores do 2º ano do Ensino Fundamental.

O evento foi realizado nesta terça-feira (7), no auditório da Secretaria de Estado das Cidades (Secid), e contou com a participação de cerca de 70 professores e coordenadores pedagógicos das unidades escolares de São Luís.

O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, reforçou que o investimento na formação dos educadores da rede municipal é uma estratégia fundamental para ampliar a qualidade do processo de ensino-aprendizagem nas escolas.

“A formação com foco nos sistemas avaliativos do governo federal é uma oportunidade de perceber as melhorias e identificar pontos que precisam ser trabalhados. Trata-se não de uma avaliação dos estudantes, mas de um diagnóstico sobre a qualidade do ensino como um todo, para o planejamento de novas ações. A meta final é a melhoria da qualidade da Educação, que é o objetivo do prefeito Edivaldo”, disse Geraldo Castro.

Durante o encontro, os participantes tiveram oportunidade de discutir temas relativos à alfabetização dos estudantes e estratégias para potencializar o aprendizado, com ênfase na leitura e na matemática, focos da Provinha Brasil. A professora Anaclan de Jesus Mendes, do 2º ano da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Nascimento de Moraes, avaliou o encontro como positivo e destacou a importância da formação continuada. “Atividades assim aumentamo o conhecimento e preparam melhor o professor para em sala de aula”, disse.

SAIBA MAIS

A Provinha Brasil é uma avaliação diagnóstica realizada com os estudantes no início e no final do 2º ano do Ensino Fundamental, cujos resultados ajudam a compor o Índice Nacional da Educação Básica (Ideb). O exame é de iniciativa do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, do Ministério da Educação (Inep/MEC) em parceria com as Secretarias Municipais de Educação de todo o país.

As informações coletadas com a aplicação da Provinha Brasil ajudam a compor o diagnóstico do aprendizado em fase de alfabetização no país, sendo ainda instrumento no planejamento dos próprios professores, coordenadores e gestores escolares, que podem adotar novas práticas e metodologias ou reforçar conceitos a partir dos resultados obtidos.


Compartilhar

Nota SSP e Sejap

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Sejap) e a Secretaria de Segurança Pública (SSP) confirmaram hoje (5), por meio de nota que por volta das 4h da madrugada, o Complexo Penitenciário de Pedrinhas foi alvo de “forte ataque externo de oito bandidos” usando veículos, fuzis e pistolas, o que resultou no resgate de quatro detentos do Centro de Detenção Provisória.

Os detentos resgatados são Adeilton Alves Nunes, Ilton Carlos Martins, John Lennon da Silva Lima e John Carlos Campos Silva.

“Meia hora depois da operação, um dos veículos usados pelos bandidos já havia sido localizado e apreendido pela Policia Militar com apoio do GTA e da Polícia Rodoviária Federal”, diz a nota, que completa informando que as das secretarias seguem “com o empenho integral” para a captura dos fugitivos e dos criminosos que possibilitaram a fuga.

Compartilhar

São Luís: Prefeitura avança na modernização do sistema de transporte público

Grande Ilha – A Prefeitura de São Luís avança na melhoria e modernização do sistema de transporte público da capital. Até o final deste mês, deverá ser concluída a implantação do sistema de biometria facial nos 1.100 ônibus da frota e, no mês de maio, deverá ser lançada a licitação para o transporte público. O edital terá definições claras das responsabilidades tanto do poder público quanto da iniciativa privada, para a garantia de um transporte público ágil, seguro e de qualidade.
 
“Temos concentrado nossos esforços para proporcionar o remodelamento e para modernizar o sistema de transporte público da capital. Estamos aplicando medidas para combater fraudes no sistema e, ao mesmo tempo, proporcionando intervenções no trânsito, o que vai gerar maior comodidade para os usuários do transporte público”, disse o prefeito Edivaldo.
Como parte do aperfeiçoamento do sistema, a Prefeitura pôs em circulação 221 novos ônibus na cidade. Para o motorista Raimundo Lima, da linha Conjunto Habitacional Turu, a inserção de novos veículos no sistema de transporte já trouxe mudança perceptível na qualidade das viagens.
“A renovação de frota está de parabéns. Os veículos novos se destacam tanto no desempenho como no cumprimento das viagens no horário e, às vezes, até antes do horário. Isso é fundamental tanto para a satisfação do passageiro, que chega a tempo no trabalho, como para o motorista que trabalha mais tranquilo”, opinou Lima.
Com a implantação do GPS, outra medida que está sendo viabilizada pelo poder público municipal, haverá ainda maior fiscalização e controle dos tempos de duração das viagens e dos itinerários, uma das reclamações dos usuários de coletivos. O GPS, segundo explicou o secretário da SMTT, Canindé Barros, irá possibilitar fazer o mapeamento dos tempos de espera dos usuários, se os ônibus desviam rotas, e aprimorar o serviço.
O aumento da fiscalização também permitirá a redução de fraudes no sistema, a partir da aplicação da tecnologia da biometria facial. Testes em ônibus que circulam no Itaqui-Bacanga já sinalizam redução de 35% nas fraudes com a instalação do sistema, já implantado em parte da frota. O fim das fraudes representa a possibilidade de mais investimentos no setor, beneficiando assim a população que faz uso deste tipo de transporte.
Segundo o secretário municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), Canindé Barros, o dispositivo possibilita a identificação dos reais usuários do sistema de bilhetagem eletrônica nos coletivos da cidade. A medida visa impedir que passageiros utilizem de forma indevida o cartão de outras pessoas, inviabilizando assim a fraude.
FLUIDEZ NO TRÂNSITO
O trabalho que a Prefeitura está fazendo no sistema de transporte da cidade inclui ações de melhoria da malha viária, com a implantação de faixas exclusivas para o transporte coletivo e intervenções em vias com grandes congestionamentos.
Os corredores exclusivos para ônibus começam a ser implantados nas Avenidas Colares Moreira e Castelo Branco e em seguida serão estendidos para Avenida dos Franceses e Africanos. A medida visa melhorar a fluidez do transporte coletivo elevando a velocidade de tráfego dos coletivos de 15km para 35km por hora.
 Como parte do plano estratégico da Prefeitura para melhoria do trânsito em São Luís, a SMTT vem realizando ainda uma série de intervenções em ruas, avenidas e rotatórias, a exemplo da Ponta do Farol. O trânsito na Avenida Litorânea também sofreu mudanças. Para acesso à Avenida Litorânea, veículos que seguem em descida pela Rua Altamira (descida do Canto da Pizza), agora podem optar por acessar o sentido da Praça do Pescador pelo novo retorno, que coincide com a saída da Rua Altamira.
A mudança libera o fluxo nos dois sentidos e remove a possibilidade de formação da fila dupla do antigo retorno. No cruzamento, foram instalados conjuntos semafóricos, que facilitam o tráfego dos pedestres e coordenam a liberação dos veículos. A Rua Altamira permanece uma via de mão dupla. “Melhorou muito para a gente que passa aqui todo dia, principalmente no horário de pico”, conta o engenheiro civil Raimundo Xavier.
Compartilhar

Prefeitura anuncia concurso na área de Assistência Social

concurso
O prefeito Edivaldo autorizou na manhã desta quarta-feira (8) a realização de concurso público para contratação de profissionais para a área da assistência social. Serão ofertadas 55 vagas, sendo 30 destinadas para assistentes sociais, 20 para psicólogos e cinco para advogados. Os aprovados vão compor a equipe de Referência do Sistema Único de Assistência Social (Suas), atuando nos equipamentos sociais da Semcas.
“Trabalhamos com o objetivo de construir uma São Luís melhor para os ludovicenses. Com a autorização para a contratação desses profissionais por meio de concurso público, estamos reforçando o nosso comprometimento em prestar um atendimento de qualidade nos serviços que são oferecidos à população”, declarou o prefeito Edivaldo.
Com a autorização para a realização do concurso, a Secretaria Municipal de Administração (Semad) trabalha junto à Comissão Municipal do Concurso Público no processo de contratação da instituição que irá realizar o certame. O edital com mais informações sobre o concurso será divulgado até o mês de junho. Além desse, outros três concursos serão realizados ainda em 2015, os da Controladoria Geral da União, Procuradoria Geral do Município e Secretaria Municipal de Educação (Semed).
A titular da Semcas, Andreia Lauande, destacou o empenho do prefeito Edivaldo e da sua equipe de governo para a concretização desse trabalho. “Estamos trabalhando em busca pela qualificação dos serviços que são prestados aos cidadãos. A efetivação desses trabalhadores e, consequentemente, a redução da rotatividade dos servidores contribuem para a otimização dos processos e melhoria do atendimento oferecido”, afirmou.
A secretária acrescentou que muitos avanços já foram conquistados na área da assistência social. “Estamos trabalhando na aquisição de equipamentos próprios, como os Centros de Referência de Assistência Social, os Centros de Referência Especializados da Assistência Social, Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP) e o Abrigo Institucional para Pessoa em Situação de Rua. Essas e outras conquistas obtiveram reconhecimento do Ministério do Desenvolvimento Social, fazendo de São Luís uma referência nacional nessa área”, destacou a titular da pasta.
Também participaram do anúncio os secretários municipais José Cursino Raposo (Planejamento), Mittyz Rodrigues (Administração), Lula Fylho (Governo) e Diogo Lima (Urbanismo e Habitação).
Compartilhar

Muito morfo encontrado em recipientes de uvas no Mateus

O titular deste blog foi fazer compras no supermercado Mateus no bairro do Cohatrac, quando se deparou com uma grande quantidade de fungos espalhados em recipientes de Uvas.

Todos os recipientes estavam empestados de mofo, parecia que aquela fruta estava no local fazia algum tempo. O que se pode investigar, segundo relatos de consumidores, a fruta estava no local a mais de dez dias sem qualquer fiscalização.

O mofo encontrado entre a frutas podem causar doenças graves podendo chegar o falecimento de pessoas que consumirem o produto.

Sobre os fungos

Os fungos são popularmente conhecidos por bolores, mofos, fermentos, levedos, orelhas-de-pau, trufas e cogumelos-de-chapéu (champignon). É um grupo bastante numeroso, formado por cerca de 200.000 espécies espalhadas por praticamente qualquer tipo de ambiente.  

Os fungos são responsáveis pelo apodrecimento de alimentos, de madeira utilizada em diferentes tipos de construções de tecidos, provocando sérios prejuízos econômicos. Os fungos parasitas provocam doenças em plantas e em animais, inclusive no homem.

Blog Infocoma
Compartilhar

São José de Ribamar não tem gestão, não é Gil Cutrim…

Filho de uma família de forte tradição política, desde cedo Gil entendeu a importância dessa ferramenta para transformar a vida do povo. Estas e outras afirmações constam no perfil do prefeito Gil Cutrim, no site do município, mas infelizmente não é isso que acontece na prática.  

Como mostra as imagens abaixo, a sensação de abandono toma conta das ruas do bairro Villagio Cohatrac V, município de São José de Ribamar. Em vez de asfalto bonito, como diz no seu perfil sobre a preocupação com a qualidade de vida do povo, só se ver trechos esburacados, esgotos a céu aberto, e uma falta de estrutura sem tamanho.
Se dissesse que era apenas um ou dois buracos, mas o que se percebe pelas fotos são crateras de forma paralela que liga uma rua a outra. A gestão ribamarense vem fazendo várias ações mas só se for em outro município por que nesse não. 

Reclamações

Moradores da localidade reclamam diariamente que não tem espaço para andar e muito menos para trafegar com veículos. Vários residentes do local já se depararam com veículos sendo quebrados e quedas de motociclistas. Quando cai a chuva moradores são obrigados a limpar todo lixo que se acumula próximo as residências. Como eles mesmo dizem isso tá virando uma ladainha “Quando chove ninguém passa na rua. Temos que ficar presos até a enxurrada amenizar e toda dia é a mesma coisa, junta lixo e junta lixo”, reclama a moradora Maria da Conceição.   

Mais outra afirmação no site. Gil se dedicou a cuidar da vida do povo ribamarense e como prova de sua dedicação ele assumiu, em 30 de janeiro de 2010, o cargo de Prefeito da cidade, selando o compromisso de continuar trabalhando para que São José de Ribamar se tornasse ainda melhor. Engraçado, Gil Cutrim continuou no poder e nada fez, tanto que a infraestrutura praticamente não existe. Com toda essa falta de estrutura, será que ele tem condições de assumir mais um mandato?  
Compartilhar

Deputado Wellington do Curso sobe a tribuna e critica descaso na saúde do município

Em discurso feito no tempo dos blocos parlamentares na Sessão Ordinária desta terça-feira (7), o deputado Wellington do Curso (PPS) levou à Assembleia grave denúncia contra o Sistema Municipal de Saúde.
Ao denunciar que no Sistema de Saúde Municipal as pessoas precisam ter “conhecidos” para serem atendidas nos hospitais, Wellington traçou um paralelo ente a saúde da propaganda e a saúde real do dia-a-dia do cidadão e destacou suas visitas, na manhã desta terça-feira, aos hospitais Djalma Marques (Socorrão I) e Clementino Moura (Socorrão II).
Aqui em São Luís, vemos que existem duas saúdes: a saúde da propaganda enganosa e a saúde da realidade. Existem dois Socorrões II: um que não tem maca nos corredores (segundo propagandas da Prefeitura) e o que tenho nas fotos para disponibilizar à imprensa e demais parlamentares, que é um Socorrão II ‘maquiado’. Por que maquiado? As macas estão nos corredores separadas por divisórias. E, para completar, encontrei, na manhã desta terça-feira, numa visita ‘in loco’, uma senhora de mais de 70 anos sendo atendida no corredor do referido hospital e o mais absurdo: seu filho segurando o soro com a mão acima da cabeça porque não tinha o ferro para poder colocar o soro”, revelou. 
O parlamentar destacou, ainda, o plano de governo do atual prefeito, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), elaborado durante a campanha eleitoral, ressaltando o item cinco, que afirmava ser a saúde “um dos principais motivos de insatisfação dos ludovicences”, e defendia aconstrução de um moderno Hospital da Criança, além da Implementação de quatro novos CAPS e a garantia da melhoria do atendimento da rede de saúde pública, e reafirmou também o seu compromisso em representar o povo no Legislativo Estadual. 
“Senhoras e Senhores, eu tenho me perguntado todos os dias sobre qual o meu papel no parlamento. Sou servidor público estadual, fui servidor público uma vez quando aprovado no concurso para sargento do Exército, onde servi durante 15 anos e saí no comportamento excepcional, e todas as vezes que eu faço o meu pronunciamento, é no plano das ideias, do debate e nunca me referindo ao lado pessoal do prefeito, mas à sua função enquanto gestor. Minha indignação é de um cidadão que testemunhou uma cena aviltante à dignidade humana. Uma cena que se desenvolve bem perto de nós, banalizada pelo tempo e pela frequência da qual ninguém reclama porque já se incorporou à rotina. Quem são os responsáveis por aquilo? E eu digo a todos os senhores: os responsáveis por aquilo são o governo do Estado do Maranhão, a Prefeitura de São Luís e nós enquanto parlamentares e fiscalizadores do Executivo. Não fugirei da minha responsabilidade”, finalizou o vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia. 
Compartilhar