Wilanor Amorim Ferreira surge como uma forte liderança política em Araguanã

                                                           Wilanor e família
Surge no município de Araguanã, uma nova liderança política. Trata-se de Wilanor Amorim Ferreira,  natural daquela cidade, que fica a 350 Km de São Luís. Wilanor é nascido em Araguanã, onde cursou o primário. Concluiu o ensino fundamental em Zé Doca e o ensino médio em São Luis. É formado em Administração de Empresas pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), é especialista em Gestão Estratégica de Recursos Humanos. Está no último ano do curso de Direito pela Faculdade Santa Terezinha – (CEST). É Servidor Público Federal concursado no cargo de Administrador.
É filho de Valter Ferreira da Silva, conhecido como “VAVÁ”, um dos maiores líderes políticos de da região do Alto do Turi e um dos principais responsáveis pela criação do município de Araguanâ em 1994. É irmão do Walter Ferreira, conhecido “Valtinho”, que exerceu a função de Secretário da Administração da Prefeitura de Araguanã, no período de 2008-2012.
Com experiência há mais de 10 (dez) na Administração Pública Federal, o araguanense Wilanor pode contribuir e muito para o desenvolvimento daquele município que precisa melhorar as condições de vida da população. 
“Quero colaborar com meus conterrâneos aplicando os meus conhecimentos adquiridos ao longo da minha formação acadêmica. Nosso objetivo é oportunizar melhores condições de vida através de projetos que beneficiem toda sociedade”, declarou Wilanor
blog Ligeiro
Compartilhar

SWOT pessoal: uma poderosa ferramenta para a superação dos seus objetivos

Antes de colocarmos “a mão na massa”, vale definirmos SWOT como uma ferramenta de gestão bastante utilizada para o mapeamento de forças (Strenghts), fraquezas (Weaknesses), oportunidades (Opportunities) e ameaças (Threats).
É evidente que, embora baseada no conceito original, a SWOT sobre a qual vamos falar foi adaptada para atender às necessidades de um modelo com foco no indivíduo, o que a deixa muito mais complexa e interessante.
E aí, já ficou empolgado? Espero que sim. Vamos começar!
Discorrerei sobre cada um dos pontos e a maneira mais simples de como criar e utilizar a sua própria ferramenta! Vamos lá!
A partir de agora, o mais importante será dedicar alguns minutos, para refletir sobre cada um dos próximos pontos e ser muito fiel a si mesmo! Comprometa-se com este exercício e torne-se a melhor versão de você mesmo!
Passo I – Levantamento das suas forças (Strenghts)
Neste passo, você deve refletir sobre as aptidões e diferenciais que possui para o atingimento e superação dos seus objetivos pessoais.
Aqui, vale listar os aspectos internos que o tornam único e especial e que fazem de você uma pessoa diferente das demais.
Como fazer isto? Resgate as coisas positivas que os outros dizem sobre você, formal e informalmente e considere apenas aquilo que te caracteriza e diferencia dos demais. Anote os pontos que costumam te auxiliar em situações difíceis e pense nos motivos pelos quais as pessoas costumam te procurar, em busca de auxílio.
Se você ainda está na dúvida quanto às suas forças, seguem alguns questionamentos que podem ajudá-lo:
  • Quais as suas competências mais valorizadas?
  • Qual é o seu maior diferencial?
  • O que você faz de melhor?
Ficou mais fácil? Se ainda estiver com dificuldades, recorra aos amigos e pessoas mais próximas. Com certeza eles terão muitas coisas boas para falar sobre você e o quanto você faz diferença nas vidas deles.
Passo II – Fraquezas (Weaknesses)
Agora, você deve pensar em tudo aquilo que bloqueia o seu crescimento e desenvolvimento. Levante os seus pontos de melhoria e considere as características que fazem ou fizeram falta para o atingimento de algum objetivo.
Por termos o costume de encontrarmos, com mais facilidade, pontos de melhoria do que pontos fortes, eu acredito que você já tenha uma lista de fraquezas. Acertei?
Se eu estiver errada, reflita sobre os pontos abaixo, para construir esta fase do exercício:
  • Que tipo de atividade você não gosta ou não sabe executar?
  • Quais são as suas dificuldades técnicas?
  • Você tem algum comportamento sabotador?
E agora? Conseguiu finalizar o passo II? Aqui, como no passo I, vale utilizar feedbacks já recebidos e ainda não endereçados. Reflita sobre cada feedback recebido e estime o impacto das atitudes e comportamentos levantados, para a superação do seu objetivo. Quanto maior o impacto, maior a relevância desta mudança para o seu plano funcionar.
Passo III – Oportunidades (Opportunities)
Diferente dos dois primeiros passos, relacionados ao meio interno, os passos III e IV referem-se ao meio externo e a forma como este pode contribuir ou desfavorecer o atingimento dos seus objetivos.
Neste momento, você deve considerar tudo aquilo que, aliado as suas fortalezas, pode contribuir para a superação do seu objetivo.
A forma mais fácil de fazer esta fase do exercício é, também, questionando-se:
  • Como está a minha rede de contatos?
  • Eu conheço pessoas que já atingiram o objetivo que eu almejo?
  • Existe crescimento no meu ramo de atuação?
Esta fase só estará concluída quando você levantar caminhos diferentes dos já definidos ou percorridos. Inspire-se, analise o seu mercado, os seus pares e as pessoas em que você se espelha!
Passo IV – Ameaças (Threats)
No passo anterior, utilizamos as nossas forças para identificarmos as nossas oportunidades. Agora, para identificarmos as nossas ameaças, iremos revisar e refletir sobre as nossas fraquezas.
Difícil? Vamos lá!
A pergunta principal a ser feita é: quais ameaças, geradas ou incentivadas pelas minhas fraquezas, podem impedir você de chegar aos seus objetivos?
Entendo que esta seja a parte mais complexa do exercício e é fundamental que você dedique alguns minutos, esclareça algumas dúvidas internas e, a partir daí, liste as suas principais ameaças.
Eu vou ajudar, sugerindo alguns pontos que, considerados, devem ajuda-lo a chegar nestas respostas:
  • A minha falta de conhecimento sobre determinado assunto me coloca em uma posição de risco ou me desfavorece?
  • Eu gosto do que estou fazendo a ponto de aumentar o meu nível de dedicação e buscar evolução?
  • A minha indisposição para fazer algo pode me atrapalhar na conquista do meu objetivo?
Neste momento, você deve ter acumulado uma quantidade enorme e bastante relevante de informações e, antes de partirmos para a elaboração de um plano de ação, sugiro que releia cada um dos pontos levantados e questione a sua relevância e influência. Esta análise é fundamental para que você tenha a certeza de que cada uma das fases foi contemplada, revisada e está de acordo com os seus objetivos pessoais e de desenvolvimento.
Passo V – Construção do Plano de Ação
Tenho certeza de que este exercício foi bastante valioso, mas, como já é sabido, de nada adianta termos levantado os nossos pontos fortes, oportunidades, fraquezas e ameaças, se não definirmos um plano de ação a altura.
Espero que você tenha gostado do aquecimento. Agora, darei algumas dicas sobre a construção de um plano de ação efetivo, para que você, através das análises realizadas, esteja a mais um passo rumo ao seu objetivo.
Pronto para começar?
O modelo mais utilizado para a construção de plano de ação é o 5W2H. Através desta técnica, é possível definir uma maneira clara e objetiva de listar cada uma das ações e acompanhar a forma como ela será executada.
Preste atenção no passo a passo e comece a preparar o seu! O plano de ação correto direciona você a qualquer objetivo, pois tudo é possível quando sabemos o que queremos e temos a clareza quanto ao que é necessário ser feito!
     I.        What – Defina o que será feito;
    II.        Who – Indique o responsável pela ação;
   III.        When – Determine os prazos para a realização de cada tarefa/ação;
   IV.        Where – Cite onde será feita a ação;
    V.        Why – Reflita sobre a importância da execução da atividade e o motivo para que esta ação seja concluída;
   VI.        How? – Mencione a forma como será feito;
 VII.        How much – Levante os custos para a realização desta atividade.
Além disso, sugiro incluir a coluna “Status” para que você acompanhe cada uma das ações e vá incluindo os updates de cada uma delas.
Então, estão satisfeitos com as respostas encontradas? Houve muitas surpresas?
Espero que, no desenvolvimento deste exercício, você tenha aprofundado o seu conhecimento sobre si mesmo; que tenha sido o mais honesto e transparente consigo mesmo e que, principalmente, tenha se surpreendido com a quantidade de forças e oportunidades que tem e que irão auxiliá-lo a atingir todo e qualquer objetivo que puder imaginar!
Sem dúvida, se bem executado, este exercício será o começo de uma brilhante e consistente trajetória, rumo à sua potencialização, desenvolvimento e evolução.
Estou certa de que, se você chegou até o fim desta tarefa, está pronto para trilhar o caminho do sucesso e manter o foco no desenvolvimento das suas habilidades e capacidades, rumo à sua mais alta performance!
Nosso futuro e a realização de cada um dos nossos objetivos só dependem de nós mesmos e do uso adequado de ferramentas.
Espero ter contribuído para que você assuma a responsabilidade sobre a sua vida e seus objetivos e sinta-se ainda mais engajado para tornar-se a melhor versão de si mesmo.
Obrigada pelo tempo investido e até o próximo artigo.
administradores.com
Compartilhar

Saindo do forno agora: Suposto operador do PMDB diz sofrer ameaças de Cunha para se manter calado

Para a Procuradoria-Geral da República, Fernando Baiano, acusado por delatores de repassar propinas a Eduardo Cunha, tem sido pressionado pelo presidente da Câmara para não firmar acordo de delação premiada; promotores estudam pedir afastamento do peemedebista 
A Procuradoria-Geral da República (PGR) trabalha com a informação de que Fernando Baiano, suposto operador do PMDB no esquema investigado pela Operação Lava Jato, sofreu ameaças de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para não aceitar acordo de delação premiada. De acordo com a coluna de Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo, o presidente da Câmara dos Deputados teria mandado recados a ele para que permaneça calado sobre o que sabe.
Baiano não é o único alvo de Cunha. Alberto Youssef e Júlio Camargo, delatores da Operação, já disseram à Justiça ter sofrido represálias do peemedebista. Youssef, inclusive, declarou ao juiz Sérgio Moro que “um deputado pau mandado” de Cunha tem intimidado sua esposa e filhas. Ambos os investigados acusam o presidente da Câmara de receber propina por meio de Baiano.
Ainda segundo a coluna de Bergamo, “a tentativa de ocultar provas ou coagir testemunhas é uma das razões previstas em lei para decretar a prisão preventiva de um investigado”. Essa hipótese, entretanto, tem poucas chances de se concretizar, já que mesmo que o Supremo Tribunal Federal decidisse por tirar a liberdade de Cunha, isso só aconteceria com autorização da Câmara dos Deputados, onde o acusado tem muita influência. O mais provável é que ele seja afastado do cargo – possibilidade estudada pelos procuradores –, já que, como presidente da Casa, tem poder de atrapalhar o processe de apuração.
O advogado de Baiano nega as informações. Já o defensor de Cunha não foi localizado pela reportagem.
Compartilhar

7 sinais de que o poder de Cunha está ruindo

O homem mais poderoso da Câmara dos Deputados começa a dar sinais de enfraquecimento após denúncia de cobrança de propina investigada pela Operação Lava-Jato; os antigos parceiros já evitam ser associados ao seu nome, o próprio partido se opôs ao rompimento com o governo e a sociedade civil se mobiliza para pedir a derrubada do parlamentar
OPERAÇÃO LAVA-JATO
Em novo depoimento, o empresário Júlio Camargo, delator na Operação Lava Jato, acusou Eduardo Cunha de exigir o pagamento de propina de US$ 5 milhões. A notícia caiu como uma bomba no Congresso durante essa semana e abalou a imagem e a força política do presidente da Câmara. O ex-consultor do grupo Toyo Setal disse ter repassado o dinheiro por pressão de Fernando Baiano, apontado como operador do PMDB no esquema de desvio de recursos da Petrobras. Para apressar o pagamento, Cunha teria articulado a apresentação de requerimentos, na Câmara, contra o próprio Camargo e contra uma empresa do grupo Toyo Setal.
PERDA DE APOIO
A denúncia de corrupção envolvendo Cunha, no foco da operação policial de maior destaque no país, fez com que antigos parceiros recuassem. Conhecido pelo poder de articulação e de influência dentro da Casa, o peemedebista passou a ser evitado por muitos parlamentares, sob o risco de terem seus nomes associados às irregularidades. As manobras regimentais, antes realizadas com facilidade, passarão a ter menos adesão a partir de agora e o raio de atuação ficará mais restrito. O próprio Cunha, provavelmente, deverá fugir dos holofotes.
PEIXES PEQUENOS
Quem acompanhou a coletiva de imprensa em que Eduardo Cunha anunciou o fim das relações com o governo de Dilma Rousseff sentiu falta das figuras graúdas da Câmara, que sempre fizeram questão de posar ao lado do homem mais poderoso da Casa. Desta vez, os únicos que se prestaram a esse papel foram os deputados Hildo Rocha (PMDB-MA), Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), Édio Lopes (PMDB-RR) e André Moura (PSC-SE), de pouca expressão entre os parlamentares.
“POSIÇÃO PESSOAL”
O anúncio de que, a partir desse momento, ele romperia com o governo e passaria à oposição não surtiu efeito nem dentro do próprio partido. Em nota, o PMDB afirmou que a decisão se trata de uma “posição pessoal” e não representa uma convicção da legenda. De acordo com o comunicado, esse tipo de postura só pode ser tomada “após consulta às instâncias decisórias do partido: comissão executiva nacional, conselho político e diretório nacional”. Cunha alega estar sendo vítima de um complô entre o governo federal e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para incriminá-lo e diz que defenderá o afastamento definitivo do PMDB durante um congresso interno, realizado em setembro.
TEORIA CONSPIRATÓRIA
Ao defender a ideia de que há um grupo conspirando para derrubá-lo do poder, sobraram críticas até para o juiz Sérgio Moro, que conduz a Operação Lava Jato na primeira instância. Cunha chegou a afirmar que o magistrado “pensa que é o dono do país”. “Acha que é o dono do Supremo Tribunal Federal, do Superior de Tribunal de Justiça. Vamos entrar com uma reclamação no Supremo”, anunciou. Em nota, a 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba, da qual Moro é titular, declarou que não cabe ao Juízo “silenciar testemunhas ou acusados na condução do processo”.
RISCO DE IMPEACHMENT
Logo após as denúncias, os deputados Silvio Costa (PSC-PE) e Ivan Valente (PSOL-RJ) vieram a público, nesta sexta-feira (17), para cobrar o afastamento do peemedebista do comando da Casa enquanto a Operação Lava-Jato não for concluída. Costa, que é um dos vice-líderes do governo na Câmara, disse que vai fazer uma consultoria jurídica para avaliar a possibilidade de pedir o impeachment de Cunha. Pela legislação, os presidentes da República, do Senado e da Câmara podem ser afastados do cargo, por meio desse procedimento, se tiverem cometido crime de responsabilidade, como atentar contra a probidade da administração, os direitos políticos dos cidadãos ou a lei orçamentária.
MOBILIZAÇÃO POPULAR
Às 20h25 de hoje, Eduardo Cunha fará um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e TV durante cinco minutos para falar sobre as atividades realizadas na Câmara. A previsão é que ele aborde alguns projetos polêmicos, como os que tratam da redução da maioridade penal e do financiamento empresarial de campanhas. A notícia não passou despercebida nas redes sociais e já está sendo organizado um protesto para esse horário. O evento “Barulhaço no Pronunciamento de Eduardo Cunha”, divulgado no Facebook, já conta com 60 mil pessoas confirmadas, que prometem usar apitos e panelas para fazer barulho durante a fala de Cunha. Segundo os organizadores, a manifestação é também contra o fundamentalismo religioso, o machismo e a homofobia presentes nos discursos do deputado.
Revista Fórum
Compartilhar

Quais as coisas mais irritantes que os bebês costumam fazer?

Os bebês são fofos, mas também podem ser muito irritantes e chatos. Conheça as coisas mais irritantes que um bebê de até 3 anos pode fazer:

1 – Birra – Acredite: os bebês sabem fazer birra para chamar a atenção dos pais. Eles não podem ser criados como sendo o centro do universo, pois tentarão sempre manipular os pais com manhas e cenas de choro. Segundo os psicólogos, quando a criança chora muito, os pais não devem fazer suas vontades.

2 – Choro – Os bebês aprendem a usar o choro como forma de conseguirem a atenção dos pais. Apesar de ser extremamente irritante escutar um bebê que não para de chorar, é preciso cuidado e paciência para investigar a causa do choro.

3 – Xixi na Cama – O xixi na cama é um processo natural para os bebês que estão saindo da fralda descartável. Os pais precisam ter paciência e ensinar os pequenos a usarem o banheiro ou o penico.

4 – Xixi e Coco na Roupa – Pais de bebês de até 3 anos de idade precisam estar preparados para tudo, principalmente para os momentos em que a criança, que está saindo da fralda, suja a roupa em lugares públicos, como restaurantes, shoppings e parques. É normal que as crianças passem por problemas quando os pais estão tentando tirá-las das fraldas. Por isso, é preciso estar sempre preparado para uma emergência, por mais irritante que ela seja.

5 – Problemas para Comer – Os bebês de até 3 anos estão começando a descobrir o sabor dos alimentos, e precisam que os pais os incentivem a comer alimentos saudáveis. A cara feia ao provar uma fruta ou legume novo é normal e precisa ser encarada com paciência.

Site curiosidades
Compartilhar

Vereador Roberto Rocha apresenta projetos de melhorias para o Parque do Itapiracó

O vereador Roberto Rocha Júnior (PSB), juntamente com os secretários adjuntos da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), Antônio Rosendo Jr. (Recursos Ambientais) e Victor Belo (Licença Ambiental), estiveram reunidos semana passada com representantes do grupo de “Amigos do Parque Itapiracó”, onde foram discutidos vários projetos de melhorias para o Parque e para a população que reside em seu entorno. O encontro aconteceu na sede da Sema, no Calhau.

O grupo de Amigos do Parque Itapiracó é composto por representantes de moradores da região vizinha a Área de Proteção Ambiental do Itapiracó, e que lutam pela preservação e conservação do Parque. Na oportunidade, eles deram ao vereador e aos secretários adjuntos, um abaixo assinado e uma petição contendo uma série de reivindicações, entre elas, a continuação das obras do Parque; a instalação de lixeiras; coleta regular do lixo na área; urbanização no entorno do parque; conclusão das etapas de revitalização consideradas prioritárias, como as praças do Atleta, da Criança e da Família; as praças solares que estão situadas no decorrer da pista principal de passeio e corrida, entre outros.

Foi muito produtiva a reunião que tivemos com os moradores da área do Itapiracó, intermediada pelo vereador Roberto Rocha Jr., onde pudemos ouvir as reivindicações dos moradores. Estamos realizando algumas intervenções no Parque, e queremos criar uma parceria com a comunidade para que ela nos ajude a preservá-lo”, disse o secretário adjunto da Sema, Rosendo Jr. 

Melhorias- No início desse mês, a pedido de Roberto Rocha Júnior, a Sema realizou algumas ações emergenciais, como serviços de limpeza em toda a área do Parque. O parlamentar, que preside a Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal, disse que essas ações serão intensificadas, e se comprometeu em continuar lutando junto à Sema, para que o Parque do Itapiracó receba todas as melhorias que os moradores há muito tempo reivindicam. Entre elas, está a continuidade do projeto de construção do Complexo Ambiental da APA do Itapiracó, que pretende revitalizar toda a área degradada por meio de uma infraestrutura capaz de viabilizar novas opções de lazer, construção de novas áreas dedicadas a manifestações culturais, criação de pólo de atração para o turismo intermunicipal e turismo de eventos, entre outros.

Serão usados 197 hectares que abrigará um dos projetos mais grandiosos de revitalização já implantados em nosso estado. O Complexo Ambiental da APA irá usar áreas já degradas para construir opções de lazer que irá beneficiar toda a população de São Luís, principalmente os moradores da região”, disse.

Lucas Oliveira, um dos representantes dos Amigos do Parque Itapiracó, ressaltou a importância da mediação feita pelo vereador Roberto Rocha Júnior, para que a comunidade pudesse levar suas reivindicações à Secretaria. 

Toda ajuda é bem vinda, e a mediação feita pelo vereador junto à Sema, foi de fundamental importância para que ficássemos a par dos benefícios que a Secretaria pretende levar para o Parque. Só a apresentação do projeto já nos deixa na expectativa de uma APA melhor. Temos certeza de que qualquer decisão que eles tomarem será em prol do bem coletivo de toda a comunidade”, disse.

Compartilhar

Recadastramento de beneficiários do Bolsa Família tem prazo prorrogado

A Prefeitura de São Luís, através da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), informa que o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) prorrogou para o dia 21 de agosto o prazo de atualização cadastral do Programa Bolsa Família. A nova data é para as 3.155 famílias que integram o lote 3 e foram convocadas para atualização no dia 17 de julho.
“É necessário esclarecer que o MDS trabalha em lotes. Hoje encerra o prazo para as 4.404 famílias do lote 2, convocadas para atualização no dia 19 junho. Neste caso, não haverá mais prorrogação e, para evitar bloqueio e cancelamento do benefício, essas pessoas devem procurar a Semcas, no Anel Viário, para realizar o procedimento”, explica o coordenador de Renda e Cidadania/Bolsa Família, Cristiano Pereira.
A convocação do MDS é feita através do extrato de pagamento e são as atualizações que permitem verificar se as famílias cadastradas continuam com perfil para receber o benefício.
Para fazer o recadastramento, o titular do cartão deve apresentar originais e cópias dos seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, título de eleitor, carteira de trabalho e certidão de casamento (caso possua) dos integrantes adultos da família, além de certidão de nascimento e cartão de vacina dos integrantes menores de seis anos, assim como a certidão de nascimento e declaração de matrícula na escola para crianças menores com idade entre sete e 17 anos.
Os serviços referentes ao Bolsa Família e Cadastro Único estão sendo realizados em novo endereço, no Edifício Cesáreo, nº 29, na Avenida Senador Vitorino Freire, Anel Viário (antigo INSS), de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.
Compartilhar

“Aprendi a parar de gastar e agora te ensino a ficar rica!”

Maiara de Moraes virou coaching financeira, ajudando mulheres a administrar seu dinheiro

Sou mais eu Digital





















Meus pais sempre me deram muito carinho e amor, mas não sobrava dinheiro para brinquedos caros e supérfluos. Não cresci frustrada por isso, mas virei uma baita de uma consumista, mesmo ganhando pouco. Quando tinha 18 anos, em 2004, comecei a trabalhar como auxiliar administrativa, com salário de dois salários mínimos. Gastava tudo comigo. Saía para comprar uma calça jeans e acabava levando todas que eu provava. Fazia todas as compras no carnê. Pra você ter uma ideia, no inverno de 2006, fui comprar uma bota e acabei torrando quase meu salário em calçados! 

Nessa época, fui a uma feira de livros e vi um que me chamou a atenção: Mulher Rica (Ed. Elsevier Trade, R$ 54,50). Comprei. A autora dizia que as mulheres eram capazes, sim, de controlar suas finanças e falava sobre investimento. Que um dos primeiros passos para ficar rica é aplicar o dinheiro, mesmo que pouco. O importante é fazer a grana se multiplicar sem mexer nela. 
Adorei! Coloquei na cabeça que precisava investir. Mas com que dinheiro? Eu usava todo meu salário para pagar as prestações das roupas que eu comprava. Me impus um desafio: ia liquidar todas minhas dívidas e guardar dinheiro. 
Me superei: em um ano, consegui juntar R$ 5 mil! Como? Passei a guardar quase todo meu salário na poupança. Também vendi algumas coisas, como meu computador e dois vestidos de festa. Desde então, cuido muito bem do meu dinheiro. 
O assunto finanças para mulheres me despertou tanto interesse que comecei a ler e estudar sobre isso. Fiz cursos livres sobre o tema e me especializei em psicologia econômica na USP (Universidade de São Paulo). Com meu conhecimento, passei a investir em renda fixa e em ações. Então, ao entender como a mente feminina funciona em relação ao consumo, virei coaching financeira, ajudando mulheres a administrar seu dinheiro. – MAIARA DE MORAES XAVIER, 28 anos, coach financeira, Melbourne, Austrália

Quero inspirar as mulheres com a minha história
Depois de sair do vermelho e aprender a administrar meu dinheiro, pensei: “Existem muitas mulheres na mesma situação em que eu estava e não conhecem as opções para sair desse impulso consumista e das dívidas. Quero compartilhar minhas experiências e ajudá-las”. Eu só não sabia como. Então, em 2010, percebi que praticamente não existiam blogs de finanças voltados para mulheres. Afinal, sofremos muito preconceito quando o assunto é administrar nossa renda. E foi assim que nasceu o Mulher Rica, um blog de educação financeira para a mulherada, onde dou dicas e até cursos para aquelas que precisam de ajuda com suas finanças. E o nome eu nem preciso dizer de onde veio, né? Nada mais justo do que batizar meu blog com o título do livro que me tirou do buraco e me deixou no azul. E já que me inspirei na autora dessa publicação, também quero que as mulheres se inspirem em mim e na minha história! 

Aproveite tudo o que o blog oferece

Seja exclusiva
Na aba de recursos você também tem a opção de se cadastrar no blog e receber direto no seu e-mail um guia completo de finanças e artigos semanais exclusivos que não são publicados no site.
Você está pronta?
Se você decidir se inscrever para participar da consultoria financeira, vai passar por um teste primeiro. Eu envio um questionário com várias perguntas. Dependendo das respostas, avalio se você está preparada ou não para receber a consultoria. Afinal, não adianta passar por um curso se não estiver capacitado.
Saiba como navegar pelo Mulher Rica
Sobre
Nesta seção, você encontra um pouco da história do blog, além de conhecer minha trajetória e saber como decidi montar esse site de educação financeira. Também disponibilizo uma lista de objetivos pra você saber se o blog realmente pode te ajudar.
Por onde começo?
Aqui, ensino como dar os primeiros passos para organizar sua vida financeira. Você encontra seis passos para colocar suas finanças em ordem. Por exemplo: como sair das dívidas, como ganhar dinheiro, como investir… 
Recursos
Esta seção apresenta as consultorias financeiras que ofereço. Todas são feitas on-line, e-mail ou Skype. Para participar de alguma delas é só se inscrever e mandar e-mail para mim. Você encontra meu endereço na aba “Contato”.
Mulher rica em qualquer lugar

CURTA O FACE
Na minha página (www.facebook.com/mulherica), coloco frases inspiradoras e chamo a atenção para meus posts. Também indico textos que leio em outros portais e que também podem te ajudar. Não é só porque o texto não foi feito por mim que não vou indicar. 

EDUQUE-SE ASSISTINDO
Além do blog e da página no Facebook, também tenho uma canal no YouTube (www.youtube.com/mulherrica), onde publico vídeos de educação financeira. Mas não se preocupe, o conteúdo não é o mesmo do blog. Uso esse canal para me aproximar e criar intimidade com o público. 
UM GUIA FEITO POR MIM
Meu livro Dinheiro é Assunto de Mulher conta um pouco da minha transformação financeira e experiências pessoais. Ele acompanha um guia prático com exercícios para definir seus objetivos financeiros. Você pode comprar a versão on-line por R$ 37,90.
Compartilhar

Lista dos protagonistas políticos da “Série Lavo Jato” – agentes públicos, empresários/empreiteiras estarão nos próximos capítulos.

Olhe bem, quiçá encontre três políticos maranhenses entre eles. A ex – governadora Roseana Sarney, o senador Edison Lobão e o deputado federal Waldir Maranhão.
























































































Na semana em que a Polícia Federal faz buscas na Empresa de Collor e Família, o R7 apresentou uma lista contendo os nomes dos políticos envolvidos na mais famosa operação da Polícia Federal em andamento. Temos a honra (nem tanto) de replicar aos maranhenses a notícia e também esta lamentável e triste lista que aparece três políticos do Maranhão, que só nos envergonha.

Além dos sete mandados que estão sendo cumpridos em Alagoas, a operação ocorre em mais cinco Estados e no Distrito Federal.

Em Brasília, os policiais realizaram as buscas no Bloco G da quadra 309 da Asa Sul. É neste bloco que ficam os apartamentos funcionais dos senadores.

Investigados

Entre os políticos que são alvos das ações da PF desta terça-feira, estão os senadores Ciro Nogueira (PP-PI), Fernando Collor de Mello (PTB-AL) e Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE).

Ciro, que é presidente nacional do PP, é investigado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

As buscas ocorrem na residência de investigados, em seus endereços funcionais, sedes de empresas, em escritórios de advocacia e órgãos públicos. Foram autorizadas apreensões de bens que possivelmente foram adquiridos pela prática criminosa.

Segundo a PF, os mandados foram expedidos pelos ministros Teori Zawascki, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski.

Compartilhar