Senador do PSDB defende que Senado descumpra decisão de Toffoli

Presidente do STF determinou que seja secreta a votação que vai definir o novo presidente do Senado, neste sábado (2)

Por Renan Truffi, Camila Turtelli e Mariana Haubert, do Estadão Conteúdo

Brasília – O senador Plinio Valério (PSDB-AM) defendeu, neste sábado (2) que o Senado descumpra a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, que resolveu atender ao pedido formulado pelo Solidariedade e pelo MDB e determinou que seja secreta a votação que vai definir o novo presidente do Senado.

“Temos uma oportunidade de mostrar independência e não cumprir essa decisão monocrática do ministro Toffoli. Vejo esse episódio como uma oportunidade do Senado mostrar ao País que sabe e entende o seu tamanho”, afirmou.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *