Só que não né! Eles não se conformam com a derrota e vão perder de novo

Na imprensa maranhense, o que se discute nos últimos dias para além dos integrantes da lista de corruptos apresentada por Janot, está a sucessão da prefeitura de São Luís. Preocupados após a derrota para o Governo do Estado e eufóricos para tentar reavivar seu poder através da conquista de prefeituras importantes.
A mais cobiçada é a de São Luís e, por isto, a mídia ligada ao grupo Sarney aposta forte no desgaste do prefeito Edivaldo Holanda Júnior – apoiado por Flávio Dino – para trazer um de seus líderes para o comando de São Luís.
As opções que estão sendo colocadas pelo grupo Sarney são Ricardo Murad e Edinho Lobão – os herdeiros (no sentido amplo da palavra) do espólio político e patrimonial das famílias que por 50 anos comandaram o Maranhão.
A contar pela ficha corrida de ambos e pela péssima imagem pública que possuem (exemplo foi a desgastante campanha de Edinho no ano passado), é certo que o grupo Sarney precisa de um novo gás para se revigorar e tentar se colocar novamente como opção viável eleitoralmente no estado.
Triste fim pro grupo político que dominou um estado por 50 anos, mas que não soube se reciclar e hoje paga o preço pelos anos de sufocamento de lideranças que surgiam em prol de nomes das grandes famílias.
blog Clodoaldo Correa
Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *