Veja o que Lula disse, caso ele seja preso sem prova

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta terça-feira (6) que aqueles que insistem em inviabilizar seu nome na disputa eleitoral temem que ele ganhe já no primeiro turno. Em entrevista à rádio Metrópole, de Salvador (BA), o ex-presidente ressaltou que seus opositores não conseguiram construir um candidato com credibilidade para disputar contra ele.

“Eles estão em uma situação complicada. Não conseguem achar um candidato que tenha credibilidade. O que deixa eles preocupados, irados, é que só tem uma unanimidade agora. Estão todos tentando evitar que eu seja candidato por uma razão: é que se eu for candidato posso ganhar no primeiro turno”, avaliou.

Para o ex-presidente, sua candidatura cresce à medida que representa a capacidade de reconstrução do país. “Não conseguiram construir uma candidatura porque eles não tem o que falar para o povo brasileiro. Só falam em corte, corte, corte e sempre em prejuízo dos pobres. Sou o único que pode consertar o estrago que fizeram a esse país. Se for preso sem prova, serei considerado preso politico, destacou Lula.

O ex-presidente afirmou que confia que sua condenação será revertida em instâncias superiores. “Tanto eu acredito que estou recorrendo”, disse, ao afirmar que espera ser inocentado até o “dia do registro da candidatura.”

Confira a íntegra da entrevista.

Entrevista ao Jornal da Bahia no Ar

Lula fala com Mario Kertész, na Rádio Metrópole de Salvador. #lulanoradio

Posted by Lula on Tuesday, March 6, 2018

Blog Robert Lobato

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *